Terça-feira, 6 de Maio de 2008

Blue eyes

O Senhor Jaime, o dono do cine-teatro, de vez em quando oferecia-me bilhetes para as matinés de cinema aos Sábados de manhã. Também os oferecia lá na escola primária, quando o bambi ou outra qualquer animação estreava. Usava fato de risquinha, bem engomado, calçado de sapateado, impecavelmente engraxado, ora em branco e preto, ora em castanho e beige, sempre condizente. O cine-teatro, à sua semelhança, também parecia ter parado no tempo, e em tudo bem conservado. O palco ostentava cortinados pesados de veludo vermelho escuro, que corriam quando a sessão começava. Ao intervalo, hesitava em ir à casa de banho sozinha, sabia que me ia perder naqueles corredores de passadeiras infinitas e naquela imensidão de paredes de relevo rogoso, pintadas de verde pastel. Mas a casa-de-banho das senhoras atraía-me. Alcatifada no mesmo vermelho escuro dos cortinados. As actrizes de cinema que deviam encher as medidas do Senhor Jaime, de cabelos ruivos e olhos verdes esmeralda, estavam penduradas em quadros na sala dos toucadores e dos espelhos.
Arrancaram-se os quadros, os assentos de pele, abajours, os corrimãos de madeira foram trocados por inox, que sempre é mais moderno, pintaram-se as paredes de branco e o chão foi substituído por mosaico, que também já se sabe, é mais higiénico. Tudo foi para o lixo.
Restou-me este gostinho pelo retro, pelos vestidos em V nas costas, as pérolas, os chapéus de coco. E a música. Gostava de ir assistir ao Blue Eyes, no Tivoli. Alguém que me queira acompanhar*?





*De 16 de Abril a 18 de Maio de 2008 - TEATRO TIVOLI - Lisboa
publicado por Branca às 18:53
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De leo a 6 de Maio de 2008 às 19:28
Óptimo post.

Eu nao me lembro dos detalhes como tu, mas lembro-me da distribuicao de bilhetes na escola primária.
"Quem está cá este fim-de-semana encosta-se ao quadro"
E se houvesse gente a mais fazia-se sorteio.
De panamá a 7 de Maio de 2008 às 11:24
"Assassinos"! Como se acaba assim com o cenário que que acolheu as fantasias e as memórias da infância?! Beijos, querida!
De Branca a 7 de Maio de 2008 às 12:14
O pior é que não assassinaram apenas um lugar de memórias de infância. O cine-teatro em causa era inspirado na Arte Déco. Perdeu para sempre a harmonia entre a fachada e o interior... hoje, o auditório renovado podia ser no Bombarral ou no Barreiro. Ou seja, igual a todos.

Beijinhos
De Anónimo a 7 de Maio de 2008 às 14:14
Nao é que tenhas nada contra auditórios no Bombarral ou até mesmo no Barreiro, o nosso querido sul ;) Certo...?
leo
De Branca a 7 de Maio de 2008 às 15:14
Sim, sem qualque desprimor ao Barreiro ou Bombarral! ;)
De panamá a 8 de Maio de 2008 às 11:39
:P sacaninhas!

Comentar post

.pesquisar

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Um em cada cinco

. Pose Nunca_Foste_a_Paris?...

. O milagre da música

. Sonasol Verde Amoníacal

. Smile

. Rosa

. Confissão

. Mnemónicas

. Clara Branca das Neves em...

. O que se passa na cabeça ...

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds